01/11/2009

Ser Santo ou ser Jovem

Para ser santo eu preciso deixar de sair com meus amigos? Preciso parar de namorar? Muitas pessoas acreditam que sim, mas isso por desconhecerem o verdadeiro sentido de ser santo, ou as próprias histórias das vidas de alguns santos.

Para ser santo eu preciso deixar de sair com meus amigos? Preciso parar de namorar? Muitas pessoas acreditam que sim, mas isso por desconhecerem o verdadeiro sentido de ser santo, ou as próprias histórias das vidas de alguns santos. Um santo não, necessariamente, é um ser que nasceu diferente e desde pequeno realizava seus milagres e tinha uma luz diferente à daqueles que com ele conviviam. O santo é um ser humano que atingiu a santidade por meios das suas escolhas, das suas atitudes, da forma como resolveu viver. E, assim como todo ser humano, os santos pecaram. Uma vez um amigo me disse algo simples, mas que achei sensacional: "é verdade que a Igreja Católica tem uma série de regras, mas nenhuma delas nos proíbe, nos impede, de fazer qualquer coisa. Basta que vivamos de acordo com o que ela nos fala e podemos fazer tudo". Por que achei isso tão sensacional? Porque é a verdade. Porque se vivermos de acordo com essas tais regras da Igreja, nós podemos sair com amigos, podemos namorar, podemos nos divertir muito e de todas as formas, podemos ser os "santos de calça jeans" que o Papa João Paulo II tanto apoiava e queria dentro da Igreja. Portanto, seja santo no barzinho com seus amigos, seja santo em suas viagens, seja santo no namoro, seja santo e aproveite a vida, seja feliz, seja jovem!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget